Retrospectiva - 2011

Retrospectiva 2011

Janeiro

Preparação e treinos para o ano, especialmente o calendário do 1o semestre que foi bem puxado.

Fevereiro

1a prova Outdoor do ano em Campinas-SP – 1.386 pontos.

Logo já viajamos para Maricá-RJ para a disputa da Seletiva Brasileira, vitória e vaga garantida para as etapas da Copa do Mundo da Croácia e Turquia.

Final do mês outra prova e outra vitória em uma prova de Ranqueamento em Campinas-SP com 1.390 no Round FITA.

Março

Na sequência de competições disputamos também em Campinas-SP a 1a Etapa do Campeonato Paulista Outdoor – 1.388 pontos.

Abril

Maricá-RJ novamente, agora para a disputa da Seletiva para o Campeonato Mundial da Itália. Nova vitória com uma excelente média de 350 pontos nos Rounds 50 metros. E, mais uma vez, pronto para ir ao Mundial.

Maio

Primeira prova internacional no ano e a de melhor desempenho. Classifiquei numa excelente 12a posição na etapa classificatória e, por isso, entrando num bom chaveamento para a fase eliminatória. Venci os 3 primeiros combates e nas oitavas-de-final perdi para um iraniano, depois de estar vencendo e não ter sabido controlar os fortes ventos daquele momento. Ficou engasgado pois esse mesmo iraniano que me derrotou foi medalha de bronze naquela etapa.

De volta a São Paulo, venci a 3a Etapa do Paulista com 1.393.

Junho

A pior prova do ano onde eu não poderia errar. Vinha de um período de excelentes resultados e pontuações e esperava render muito bem na bela cidade de Antalya – Turquia na 2a Etapa da Copa do Mundo. Expectativa e cobrança alta, uma classificação ruim e um combate péssimo onde perdi na 2a rodada para o italiano Mauro Nespoli.

Julho

De volta da Turquia, 2 semanas no Brasil e uma nova viagem, desta vez a mais importante, o Campeonato Mundial 2011 disputado em Turim – Itália. Leiam abaixo no blog – 4 posts – a descrição do que é um Campeonato Mundial. Se eu quisesse escrever algo agora não seria tão rico quanto depois de viver a emoção daquele momento.

Agosto

Fim da temporada internacional e um 2o semestre de Competições locais. Na III Etapa do Campeonato Paulista de Round Olímpico estabeleci 2 recordes brasielro: 705 pontos no Round Duplo 50 metros – parciais de 353 / 352 (de 720 possíveis) e 149 pontos de 150 possíveis no Round Eliminatório 50 mts.

Setembro

Apenas a V Etapa do Campeonato Paulista Outdoor – muito vento e o pior resultado do ano – 1.364 pontos.

Outubro

Minha melhor prova do ano – Round FITA – na VI Etapa do Campeonato Paulista Outdoor – 1.395 pontos.

Novembro

Campeonato Brasileiro 2011 em Águas de Lindóia-SP. A cidade fez jus ao nome e muita água caiu dos céus. Uma competição debaixo d’água e ventos. Um FITA fraco diante das condições – 1.365 pontos. Depois vitória por equipes no Combate por equipes, vencendo o PIC – MG na final.

E, para finalizar, o sol abriu e deu o ar da sua graça na disputa das finais individuais e venci a disputa final contra Alexandre César – Palmeiras por 144 a 140, depois de ter tido um início fraco e sair perdendo (27/30). Depois recuperei e as parciais seguiram 30/27, 27/26, 30/28, 30/29 e o bicampeonato brasileiro.

Para finalizar o ano, a última etapa do Paulista Round Olímpico, uma prova muito ruim de minha parte, mas a vitória no Combate e o ano que terminou com vitória encerrou com vitória.

Dezembro

Férias.

10 melhores Tópicos do ano:

  1. Evolução da Média do Round FITA – 1.383 pontos contra 1.380 em 2010, 1377 em 2009, 1.353 em 2008, 1.348 em 2007, 1.351 em 2006, 1.330 em 2005 e 1.290 em 2004.

  2. Recorde Brasileiro Round Duplo 50 metros – 705 pontos

  3. Recorde Brasileiro Round Eliminatório 50 metros – 149 pontos

  4. Bicampeonato Brasileiro Outdoor

  5. Bicampeonato Paulista Outdoor

  6. 9a colocação na Copa do Mundo Croácia

  7. 17a colocação no Campeonato Mundial, vencendo o neozelandês Shaun Teasdale, à época 5o colocado do Ranking mundial.

  8. Evolução técnica em virtude dos treinos com meu amigo e técnico Disney Machado.

  9. A vitória política na Assembleia da CBTARCO, no qual um atleta que deseja viajar pode o fazer desde que obtenha índices pré-estabelecidos.

  10. Pela primeira vez, termino o ano como 1o colocado do Ranking Brasileiro Geral.

Não poderia deixar de mencionar aqui, que este foi o primeiro ano do Arco composto sem Roberval dos Santos que mudou para o Recurvo. Perdi na linha de tiro um grande amigo e adversário e que fez crescer meus resultados também. Com sua mudança para Manaus, perdi também meu colega de palestras, num produto que tem muito potencial. A saída dele enfraquece o Arco Composto, mas mostra uma outra face, de que não existe renovação nenhuma no esporte no país. O dia que o Composto virar Olímpico vão tentar correr atrás do tempo, aí será tarde...

Feliz 2012 a todos!

Desejos para o próximo ano:

  • Que o Brasil consiga uma vaga olímpica nas 2 seletivas que restam – Medellín-Colômbia em Abril e Ogden-EUA em Junho.

  • Que possamos repetir o título Panamericano de 2009 no Arco Composto no Campeonato das Américas que será disputado em El Salvador em Maio.

  • Que novos recordes sejam quebrados.

  • Que surjam novos arqueiros.

  • E que no final a grande estrela sejam os atletas e seus esforços reconhecidos.

Featured Posts
Recent Posts
Archive
Search By Tags
No tags yet.
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square